Menu de Exames
  • DIMERO D * - Pesquisa
  • Código .:
    DIMER
  • Rotina .:
    DIÁRIA
  • Resultado .:
    5 DIAS ÚTEIS
  • Interpretação .:
    DIMERO D [DIME-D] SANGUE [S] MATERIAIS CONSERVANTES PLASMA CITRATADO CITRATO PALAVRAS CHAVES Dimero-D D-Dimero D Dimero CONDIÇÕES - Plasma citratado. VOLUME RECOMENDÁVEL - 0,5 mL. TEMPO DE JEJUM - Jejum desejavel de 4 horas. QUESTIONÁRIO - Informar uso de medicamentos ou anticoagulantes (nos ultimos 14 dias). OUTROS LABORATÓRIOS - Centrifugar imediatamente apos a coleta, em alta rotacao (aproximadamente 3000 rpm) por 15 minutos. - Retirar o plasma cuidadosamente deixando pequena quantidade no fundo e transferir para tubo plastico. - Congelar o plasma imediatamente apos a centrifugacao a - 20 oC em tubo plastico. CONSERVAÇÃO - Ate 4 horas apos a coleta enviar refrigerado para o setor tecnico. - Ate 72 horas enviar congelado a - 20o C . Transportar em gelo seco. CRITÉRIOS DE REJEIÇÃO - Hemolise acentuada. - Lipemia acentuada. COMENTÁRIOS O Dimero D (DD) e um produto da degradacao da fibrina pela plasmina. Sua determinacao e util no diagnostico da trombose venosa profunda (TVP) e do tromboembolismo pulmonar (TEP). Nestes pacientes, a fibrinolise endogena leva a formacao do DD, que e detectado uma hora apos formacao do trombo e permanece elevado em media 7 dias. Niveis elevados de DD tem sensibilidade superior a 90% na identificacaode TEP, confirmada a cintilografia ou angiografia. Entretanto, devemos ressaltar sua baixa especificidade. Niveis elevados tambem sao encontrados nas seguintes situacoes: infarto agudo do miocardio, sepses, neoplasias, pos-operatorios (ate 1 semana), coagulacao intravascular disseminada, anemia falciforme, insuficiencia cardiaca e pneumonias. Ressalta-se que as dosagens do DD serico realizadas por imunoensaios apresentam maior sensibilidade que os testes de latex.
  •